terça-feira, 26 de maio de 2009

Suspensa a posse do Embaixador brasileiro na Coreia do Norte

Embaixador Arnaldo Carilho - Imagem capturada da Internet


Por motivos mais do que óbvios, o Governo brasileiro suspendeu o envio do primeiro embaixador do Brasil na Coreia do Norte. Trata-se do diplomata Arnaldo Carrilho, que já se encontrava em Pequim (China) em trânsito para a Pyongyang, capital norte-coreana.

O diplomata foi selecionado após aprovação no Senado, no início deste ano, com 49 votos favoráveis e cinco contrários.

Com a posse do diplomata, o Brasil passaria a ser o primeiro país sul-americano a contar com uma embaixada na Coreia do Norte.

Diante da posição e projeção do referido país no mundo, o governo brasileiro declarou que já estava eventuais críticas a essa aproximação política entre os dois governos.

Resta saber se diante da postura irredutível da Coreia do Norte, se o presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai manter a proposta ou vai suspender de vez.

O diplomata Edmundo Sussumu Fujita obteve 50 votos favoráveis, três contrários e uma abstenção, sendo aprovado para chefiar a embaixada brasileira na Coreia do Sul.

Nenhum comentário: