domingo, 3 de janeiro de 2010

II Campanha de Solidariedade - 2009

Postagem atrasada (conforme prometi...)


Eu posso assegurar, agora, já aliviada com o término do ano letivo (o meu terminou mesmo no dia 23 de dezembro) e das festividades de final de ano (Natal e Réveillon), que temi em não conseguir entregar os donativos antes do encerramento do calendário escolar.

Foi uma correria só. Comprei os brinquedos com o dinheiro arrecadado na turma, completando com a minha doação. Eu e a professora Sueli Vieira (minha irmã) fomos até Vigário Geral, onde os mesmos são vendidos a atacado. Pegamos maior temporal na volta, inclusive, devido a este, a árvore de frente ao meu prédio partiu-se em dois. Foi horrível! Faltou luz em muitas ruas do bairro e a chuva só cessou bastante tempo depois.

A entrega dos donativos foi feita no dia 18 de dezembro, último dia do ano letivo da rede municipal do Rio de Janeiro. Tive muita a ajuda da professora Marinete e dos alunos Gabriel Novaes Araújo e Thaynara dos Santos Silvestre na hora de separar as doações entre as duas Instituições beneficiadas pela Campanha de Solidariedade da escola: a Casa de Amparo à Criança com Câncer - São Vicente de Paulo e o Hospital Mário Kroeff.

Gostaria também de destacar a participação dos alunos da Turma 1801, que mesmo com a "loucura" que foi o ano letivo na rede municipal, demonstrou vontade em ajudar e participar diretamente da Campanha.

Alguns professores foram de fundamental importância nesta segunda Campanha. Com certeza fizeram a diferença não só em termos de solidariedade, doando algum tipo de gênero alimentíceo ou brinquedo, mas como voluntários, divulgando e arrecadando donativos fora do estabelecimento escolar ou cedendo o seu espaço na sala de aula para guardar as caixas e sacos com os donativos, como foi o caso da professora Andrea Paula, que mais uma vez foi maravilhosa em emprestar parte de sua sala para o armazenamento das doações arrecadadas.

Outras professoras são a Valéria, cujo esposo contribuiu com mais de 60 sacos de leite em pó (400 gr); Sandra Amadeu que arrecadou com os seus familiares (Família SOL) leite em pó e gelatinas e Lourdes que divulgou em seu Condomínio (Edifício Manoel Pedro) e nos trouxe, também, gelatinas, leite em pó e brinquedos.

Todos de nossa Comunidade Escolar, que ajudaram direto e/ou indiretamente, os nossos agradecimentos. Embora, ache o máximo a antiga frase proferida pelo Betinho (Hebert Souza), da qual uso muito em nossas campanhas anuais...

"Solidariedade, amigos,

Não se agradece,

comemora-se!”


Nossas metas não foram totalmente alcançadas. Infelizmente, nesta segunda Campanha, o supermercado SuperPrix não chegou a doar. Talvez, pelo pouco tempo que ficou entre o encaminhamento do ofício e a data da entrega. Não sei!

Porém, mais uma vez, superamos o quantitativo dos anos anteriores. E para nossa surpresa, alcançamos e superamos a meta do leite em pó, cujo valor sempre elevado em comparação à gelatina era o de menor quantidade.

O total arrecadado nesta II Campanha de Solidariedade foi:

- 747 Gelatinas em pó;

- 163 sacos e/ou latas de Leite em Pó;

- 1 caixa de Cremogema;

- Brinquedos diversos (novos e usados).

Cada Instituição recebeu o quantitativo abaixo:

Casa de Amparo à Criança com Câncer - Sào Vicente de Paulo

376 Gelatinas em Pó;

82 Sacos e/ou latas de Leite em Pó;

01 caixa de Cremogema;

Binquedos Diversos, novos e usados (meninos e meninas).

Hospital Mário Kroeff

371 Gelatinas em Pó;

81 Sacos e/ou latas de Leite em Pó;

Binquedos Diversos, novos e usados (meninos e meninas).

A diferença entre as quantias encaminhadas para cada Instituição se deve ao fato de termos ganhos uma lata de leite em pó desnatado (Molico) e gelatinas de cores amarela e verde (que pode causar alergia). Como a Casa de Amparo acolhe os responsáveis das crianças, sempre, optamos por encaminhar a esta Instituição.

As entregas foram feitas por dois carros (particular e táxi). As professoras Sueli Vieira e Rosane mais a aluna Thaynara foram fazer a entrega na Casa de Amparo à Criança com Câncer - São Vicente de Paulo, em Irajá, enquanto eu, professora Marli Vieira, o funcionário Gilson e o aluno Gabriel fomos para o Hospital Mário Kroeff.

Todo o processo de separação, armazenamento nas caixas e sacos e a entrega foram registrados por máquina fotográfica e celular, assim como em documento em duas vias (Instituição e Escola).

Parabéns a todos! Valeu pela duas campanhas deste ano!

Vejam imagens desde a separação e armazenamento dos brinquedos (novos e usados) e dos alimentos à entrega às Instituições benefiadas.

Ah, já ia me esquecendo... Achei uma iniciativa linda de uma aluna da escola. Acredito ser uma menina, pois um dos dois brinquedos que achei o bilhetinho era uma boneca.

Na hora de separar o brinquedos, eu percebi um papelzinho dobrado na cintura de uma boneca e resolvi abrir, pois afinal estamos lidando com crianças em tratamento de quimioterapia e qualquer cuidado com o emocional é pouco. Para minha surpresa e emoção, o bilhetinho dizia " Que deus a abençõe! Seja feliz!". Achei linda a sua iniciativa e, mesmo que esta tenha sido influenciada por um adulto, esta não se recusou a cumprir.

São estas coisas que fazem com que uma simples Campanha de Solidariedade ganhe uma dimensão magistral, pois é capaz de mexer com os corações, com a sensibilidade e, muito mais, fazer com que atos de caridade não seja apenas materiais.

Gostaria muito de saber quem enviou esta linda mensagem, pois com certeza, esta é uma futura cidadã responsável e preocupada com as causas de terceiros. Vejam a imagem na sequência de fotos abaixo.

Brinquedos Novos (comprados)









Brinquedos Novos (comprados e doados) e Usados





A mensagem de um anjo para outro anjo





Doações de gêneros alimentíceos (leites em pó e gelatinas)









Armazenamento dos donativos em caixas de papelão e sacos plásticos










Separação do quantitativo para cada Instituição (devidamente etiquetad0)








Entrega no Hospital Mário Kroeff
- Cozinha (Gêneros alimentíceos)



- Na Sala de Captação de Recursos (Brinquedos): responsável srª Sueli Citrangolo







Casa de Amparo à Criança com Câncer - São Vicente de Paulo (Irajá)






Até às novas Campanhas de 2010!

Nenhum comentário: