sábado, 22 de maio de 2010

Recorde: Jovem de 13 anos escala o Monte Everest (Himalaia)

Imagem capturada na Internet (Fonte: O Globo)



Hoje, uma notícia me chamou a atenção... Foi a do estadunidense Jordan Romero, de 13 anos, que escalou o monte Everest, no Himalaia, na fronteira entre o Tibete e o Nepal.

A proeza em si não é apenas pelo fato de alcançar o topo mais alto do mundo (8.848 metros de altitude), mas sobretudo pela idade dele. Este sim é recorde!

A equipe fez contato, hoje, pela manhã e desta fazem parte o adolescente, seu pai (experiente alpinista e médico fisiologista), sua madrasta e três guias sherpas.

Os sherpas (ou xerpas) são grupos étnicos que vivem na região mantonhosa do Nepal, ou seja, nos pontos altos do Himalaia. Muitos exercerem atividades de fazendeiros, comerciantes e, sobretudo, de guias e carregadores para as expedições de alpinistas na referida cordilheira.

Todavia, hoje, o termo sherpa é empregado para todo e qualquer guia ou carregador que preste serviço a aqueles que desafiam e se aventuram pelo Himalaia.

De acordo com a Gazeta Esportiva, Jordan começou ter a vontade de escalar o Monte Everest desde a idade de 9 anos. Ele chegou a se preparar, durante um mês, dormindo em uma tenda com eleitos especiais de simulação de áreas de altitudes elevadas.

Esta não é a sua primeira experiência em alpinismo. Quando tinha 10 anos, ele subiu o Monte Kilimanjaro, na África. E, com certeza, houveram outras, pois segundo a matéria vinculada a sua proeza no Everest, seu próximo objetivo é subir o Vinson Massif, na Antártida, o ponto que falta para completar as montanhas mais altas de todos os continentes.

Acho surpreendente o sonho e a persistência de certos jovens em alcançar aquilo que acreditam ser o seu projeto de vida. Muito legal!

Não resta dúvida que a influência da família e/ou de uma das partes desta também contribui e muito.

Fontes:

. Gazeta Esportiva

. O Globo

. Wikipedia

Nenhum comentário: