segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Muitas das vezes a escolha do candidato é um ato de protesto do povo

Imagem capturada na Internet (Fonte: Google)


A candidatura de Francisco Everardo de Oliveira, mais conhecido como Tiririca (mesmo nome utilizado nas Campanhas), a primeira vista parecia mais uma brincadeira.

Tiririca, estreante na política, se candidatou a Deputado Federal pelo Partido da República (PR).

Recentemente, no entanto, sua escolaridade foi alvo de polêmica, com a desconfiança de que o mesmo fosse analfabeto.

Sendo assim, o mesmo não poderia concorrer a um cargo político (inelegibilidade constitucional), mas como a sua candidatura havia sido deferida e, por isso, a Procuradoria Regional Eleitoral em São Paulo (PRE - SP) o manteve como candidato.

Mas, para surpresa de muitos, Tiririca se elegeu a Deputado Federal com 1.350.438 votos (número apurado até 23h de ontem). Foi o maior número já obtido depois da candidatura de Enéas Carneiro (Prona), já falecido, que recebeu 1,571 milhão de votos, em 2002.

De acordo com o que foi publicado no R7 Notícias, se for comprovado que ele é analfabeto, Tiririca não poderá assumir o cargo de deputado federal por dois motivos: primeiro, a irregularidade na informação prestada na documentação de candidatura, na qual consta que ele tem o Ensino Fundamental incompleto; segundo, por inelegibilidade constitucional (Artigo 14, Parágrafo 4º da Constituição Federal0 em razão de ser analfabeto.

A polêmica é grande, mas um fato é certo! O número de votos alcançados por Tiririca pode ser até atribuído a sua popularidade, por alguns, mas, com certeza, este denota o descontentamento e, sobretudo, o descrédito que os eleitores têm com os políticos do país.

Só que eu discordo com a linha que muitos tomam para expressar estes sentimentos, pois a política séria não depende só dos candidatos eleitos, depende essencialmente de eleitores responsáveis e conscientes do papel de cada um.

Há outros meios manifestar o nosso descontentamento e desânimo perante aqueles que nos representam e não correspondem aos nossos ideais.

Imagem capturada na Internet (fonte: Google)

3 comentários:

andressa andrade disse...

O povo nao teveria ter escolhido ele,pois nao acho que ele vai fazer muitos projetos.Se isso foi protesto do povo de SP eles que vão ser o mais prejudicados...

Tamiris Neves disse...

Não sei quem é pior: quem votou no "Tiririca" que em sua propaganda diz nem saber o que faz um deputado federal, ou as pessoas que tiveram a coragem de votar nele.

andressa andrade disse...

Tamiris,você estar certa,mas eu acho que o pior são as pessoas que votaram nele,pois ele estar ali como um candidado,as pessoas que dereviam ter consciência e escolhido outro para votar.