terça-feira, 22 de março de 2011

Japão: Atualizando os dados oficiais

Segundo a EBand, o número de mortos no Japão - em consequência do terremoto seguido de tsunami - já chega a 9.079. Estima-se que o número de desaprecidos seja na ordem de 12.782 pessoas.

As dificuldades encontradas na definição do número exato de mortos e desaparecidos segue à situação caótica por qual passa o país, mais especificamente a região nordeste, desde o dia 11 de março, quando houve o forte terremoto seguido por um tsunami. A quantidade de escombros e os danos  nas vias de transporte só permitem o trabalho manual e equipamentos mais leves.

Se já não bastassem as perdas materiais, econômicas e humanas diante destes fenômenos ligados à dinâmica interna da Terra (terremoto e tsunami), o Japão enfrenta outro problema decorrente dos eventos naturais:  o vazamento de material radioativo da Usina Nuclear de Fukushima.

Segundo as notícias divulgadas nas mídias, os alimentos e a água estão contaminados, apesar das informações não serem coesas entre as autoridades oficiais. Outros, por sua vez, afirmam que os níveis de radioatividade detectados não representam riscos à saúde da população.

Um comentário:

Thaynara Silvestre disse...

Fiquei bastante preocupada com esses acontecimentos trágicos no Japão, muitos dizem que a energia nuclear é limpa na minha opinião é altamente perigosa e ainda por cima polui a natureza.No mundo atual existem várias formas de se obter energia sem causar danos fatais.

Beijos e Abraços ESTOU MORRENDO DE SAUDADES.
Thaynara dos Santos Silvestre