sábado, 18 de outubro de 2014

Horário de verão 2014/2015: mais longo e com menor economia de energia


Imagem capturada na Internet (Fonte: Terra/Notícias)



As lamentações já são ouvidas há alguns dias, quase sempre, quando as mídias ou alguém lembrava que neste final de semana começa o Horário de Verão em nosso país. E estas devem continuar e até aumentar durante os 126 dias determinados pelo governo para esta edição (uma semana a mais do que a última edição do Horário de Verão).
 
O motivo desta prorrogação sobreveio a fim de se evitar que o seu término coincidisse com o período do carnaval do ano que vem.
 
O Decreto n˚6.558/2008, definiu as datas de início e fim para a mudança de horário no país, assim como estabeleceu a periodicidade deste em quatro meses. Sendo assim, anualmente, ficou acordado que o Horário de Verão começará sempre no 3˚ domingo de outubro e terminará no 3˚ domingo de fevereiro.
 
O referido Decreto, no entanto, ainda dispõe da possibilidade de não ser seguida esta periodicidade em casos da data final coincidir com o domingo de Carnaval. Situação esta que justifica a sua prorrogação para o 4˚ domingo do mês de fevereiro. Tal como procede nesta edição do Horário de Verão...
 
Por este motivo, a mudança nos horários perdurará 126 dias, isto é, a começar à partir das 0 horas do domingo (amanhã), dia 19/10, quando deveremos adiantar os relógios em 1 hora e terminará em 22 de fevereiro de 2015, quando teremos que atrasar o relógio em 1 hora.
 
O principal objetivo para as mudanças dos horários, isto é, em adiantar em 1 hora no início e atrasar em 1 hora no final do período do Horário de Verão consiste na economia de energia no país.
 
No entanto, o Secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Ildo Grüdtner, já informou que nesta edição do Horário de Verão, a economia de energia vai ser bem menor, uma vez que - em razão da forte estiagem (choveu bem menos este ano) - haverá uma demanda maior de geração de energia (lembrando que a nossa principal matriz energética é a hidráulica obtida por meio de Usina Hidrelétrica).
 
Mas, assim mesmo, a previsão é que haja uma economia de energia na ordem de R$ 278 milhões, isto é, R$ 127 milhões a menos do que foi obtido na edição passada, cuja economia foi de R$ 405 milhões.
 
Para aqueles que se mostram avessos ao Horário de Verão, seja por motivos de insegurança devido a escuridão, no início da manhã, horário em que muitos saem para trabalhar, seja pelo desconforto diário devido à falta de ajuste em seu relógio biológico (sonolência e cansaço diário), entre outros aspectos, segundo reportagem na Terra/Notícias, já se encontram tramitando na Câmara dos Deputados, pelo menos três projetos de Lei para proibir o Horário de Verão em nosso país.
 
Os autores das propostas argumentam, justamente, que a redução pouco significativa no consumo de energia não justifica tais aspectos negativos sobre a população brasileira.
 
Enquanto, estes projetos não são deferidos ou indeferidos, a partir da 0 h deste domingo até 22 de fevereiro de 2015, os relógios das regiões Sul (Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina), Sudeste (Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo) e Centro-Oeste (Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal) deverão estar ajustados em 1 hora adiantada. Nos estados das regiões Norte e Nordeste, o horário permanece inalterado.
 
Para saber sobre o histórico do Horário de Verão em nosso país, clique AQUI!
 

Fontes de Consulta

. EBC

. Terra/Notícias
 

3 comentários:

Jonatas disse...

Nunca me acostumo com o horário de verão, sempre acabo me atrasando ou acordando cedo demais.. kkkkk..enfim, terei que me acostumar até que ele chegue ao fim.

Jonatas [Turma 1901]

Anônimo disse...

Concordo com o jonatas nunca conssigo me acostumar com o horário de verão isso me deixa doida ou tem q acordar cedo demais ou um pouco mais tarde kkkk muito chato acordar cedo e o pior e que tem q ir pra escola de 5 hrs da manhã praticamente kkkk mais é isso ne como não posso acabar com O horario de verão tenho q me contentar com o despertador tocando de 5 hrs pra me acordar �� kk.
Julia (turma 1801)

Anônimo disse...

Também concordo com vocês é chato,eu tento me acostumar o maximo e quando consigo já é tarde o horário de verão já foi embora,ninguém merece!!!Suelen (turma 1801)